quinta-feira, 10 de julho de 2008

Substância

Escorre lento, feito uma lava fria
- faz lastimável a tua mucosa ...
Diz que, sou o que nunca seria;
Uma vírgula errada na tua prosa

Tanto quanto o vapor de frutas
És um alívio que faz tumulto
Rasga fundo , feito laminas de luta
E parte um outro 'você' , oculto

É... é cortante, a substância
Traz com o inverno, pouco sensato
As promessas morrem à distancia
Com excrementos brancos no asfalto

Julio Alcantara 10/08/2008

2 comentários:

Macbeth Artois disse...

Muito bem, gosto do que escreve.

Paola Tchica disse...

esse é O melhor!